Quando eu errar, me perdoe, afinal eu também falho!
 

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Tragédia: Onde está Deus?

6 comentários


Tragédias, Desastres, Ataques Terroristas: Onde está Deus?
Deus é o criador do universo que anseia para que nós o conheçamos. É por isso que todos nós estamos aqui. É desejo dele que confiemos, experimentemos sua força, amor, justiça, bondade e compaixão. Então ele diz a todos que estão dispostos: “venham a mim”.
Diferente de nós, Deus sabe o que acontecerá amanhã, na próxima semana, no próximo ano, na próxima década. Ele diz : “Eu sou Deus, e não há ninguém como eu, declarando o fim desde o inicio.” (Isaías 46:9) Ele sabe o que acontecerá no mundo. Mais importante, ele sabe o que acontecerá na sua vida e pode ajudá-lo, se você tiver escolhido incluí-lo em sua vida. Ele nos diz que pode ser “nosso refúgio e força, auxílio sempre presente em momentos de dificuldades.” (Salmos 46:1) Mas devemos fazer um esforço sincero para buscá-lo. Ele diz, “vocês me buscarão e me encontrarão, quando me procurarem de todo coração.” (Jeremias 29:13)
Isso não que dizer que aqueles que conhecem a Deus escaparão de momentos difíceis. Não escaparão. Quando um terrorista ataca, causa sofrimento e morte, aqueles que conhecem a Deus estarão envolvidos nesse sofrimento também, mas com eles há uma paz e força que a presença de Deus dá. Um dos seguidores de Jesus colocou isso desta forma: “de todos os lados somos pressionados, mas não desanimados, ficamos perplexos, mas não desesperados; somos perseguidos, mas não abandonados; abatidos, mas não destruídos.” ( 2º Coríntios 4:8-9) A realidade nos diz que experimentaremos problemas na vida. Porém, se nós passamos por eles enquanto conhecemos a Deus, podemos reagir a eles com uma perspectiva diferente e com uma força que não é nossa. Nenhum problema tem a capacidade de ser enorme demais para Deus. Ele é maior que todos os problemas que podem nos atingir, e não somos deixados sozinhos para lidar com eles.
A palavra de Deus nos diz: “O Senhor é bom, um refugio em tempos de dificuldade. Ele cuida daqueles que nele confiam” (Naum 1:7) e, “O senhor está perto de todos que o invocam, de todos que o invocam com sinceridade. Ele realiza os desejos daqueles que o temem; ouve-os gritar por socorro e os salva.” (Salmos 145:18-19)
Jesus Cristo disse estas palavras confortantes a seus seguidores: “Não se vendem dois pardais por uma moedinha? Contudo, nenhum deles cai no chão sem o consentimento do Pai de vocês. Até os cabelos da cabeça de vocês estão todos contados. Portanto, não tenha medo; vocês valem mais do que muitos pardais!”(Mateus 10:24-31) Se você se voltar verdadeiramente para Deus, ele cuidará de você como ninguém mais cuida, e de uma forma que ninguém mais pode.
Tragédias, Desastres, Ataques Terroristas: Nosso Livre Arbítrio
Deus criou a humanidade com a habilidade de escolher. Isso quer dizer que não somos forçados a um relacionamento com ele. Ele nos permite rejeitá-lo e nos permite cometer atos ruins da mesma forma. Ele poderia forçar-nos a ser amáveis. Ele poderia forçar-nos a ser bons. Mas então que tipo de relacionamento teríamos com ele? Não seria de jeito nenhum um relacionamento, mas uma obediência forçada e absolutamente controlada. Ao invés disso, Ele nos deu a dignidade humana do livre arbítrio.
Naturalmente, nós choramos do fundo das nossas almas… “mas Deus, como você poderia deixar algo desta magnitude acontecer?”
Como gostaríamos que Ele agisse? Nós queremos que Ele controle as ações das pessoas? No caso de lidar com ataques terroristas, qual poderia ser um número possivelmente aceitável de mortes para Deus permitir?! Nos sentiríamos melhor se Deus permitisse somente o assassinato de centenas? Nos sentiríamos melhor se Deus permitisse somente a morte de uma pessoa? Mesmo se Deus evitar a morte de uma pessoa, já não há liberdade de escolha. Pessoas escolhem ignorar a Deus, desafiar a Deus, viver à sua própria maneira e cometer atos horríveis contra os outros.
Tragédias, Desastres, Ataques Terroristas: Nosso Mundo
Este planeta não é um lugar seguro: alguém pode atirar em nós, ou podemos ser atropelados por um carro, ou podemos pular de um prédio atacado por terroristas. Qualquer número de coisas pode acontecer a nós neste momento, neste ambiente duro chamado Terra, o lugar onde a vontade de Deus não é sempre seguida.
Mais ainda assim, Deus não está à mercê das pessoas, pelo contrário, nós é que estamos à sua mercê, felizmente. Esse é o Deus que criou o universo com suas estrelas incontáveis, simplesmente ao falar as palavras: “haja luz no firmamento do céu (Gênesis 1:14)esse é o Deus que diz que “reina sobre as nações”(Salmos 47:8); Ele é ilimitado em poder e sabedoria. Embora os problemas pareçam enormes demais para nós, nós temos um Deus incrivelmente capaz que nos lembra: “eu sou o Senhor, o Deus de toda a humanidade. Há alguma coisa difícil demais para mim?” (Jeremias 32:27) De alguma forma, Ele é capaz de manter a liberdade dos homens pecadores, e ainda assim fazer prevalecer sua vontade. Deus claramente diz:“meu conselho prevalecerá, e eu realizarei todo o meu propósito.” (Isaías 46:11) E podemos obter conforto se nossas vidas forem submetidas a Ele, “Deus se opõe aos orgulhosos, mas dá graça aos humildes.” (Tiago 4:6)
Tragédias, Desastres, Ataques Terroristas: Onde está Deus Agora?
Muitos de nós – não, todos nós – escolhemos às vezes nos desviar de Deus e seus caminhos. Comparados a outros, a um terrorista por exemplo, podemos até nos considerarmo pessoas respeitáveis e amáveis, mas sinceramente se tivermos que encarar Deus, vamos nos deparar com o conhecimento do nosso pecado. Ao começarmos a direcionar nossas orações a Deus, não somos surpreendidos, paralisados pelo sentido de que Deus conhece bem nossos pensamentos, ações e egocentrismo? Nós temos, com nossas vidas e ações, nos distanciado de Deus. Nós temos geralmente vivido como se pudéssemos levar nossas vidas muito bem sem Ele. A Bíblia diz que “Todos nós tal qual ovelhas, nos desviamos , cada um de nós se voltou para o seu próprio caminho.” (Isaías 53:6)
As conseqüências? Nosso pecado nos separa de Deus, o que afeta mais do que nossa vida aqui e agora. A penalidade por nosso pecado é a morte, ou separação eterna de Deus, no entanto, Deus providenciou uma maneira para sermos perdoados e conhecê-lo.
Força interior através do amor de Deus
Deus veio à terra para nos resgatar. “Pois Deus amou o mundo de tal maneira, que enviou seu filho unigênito para que todo o que nele crê não pareça, mas tenha a vida eterna. Pois Deus enviou o filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que o mundo pudesse ser salvo através dele.” (João 3:16-17)
Deus conhece a dor e o sofrimento que encontramos neste mundo. Jesus deixou o conforto e a segurança do seu lar, e entrou no duro ambiente em que vivemos. Jesus se cansou, conheceu a fome e a sede, sofreu acusações dos outros e foi banido pela família e pelos amigos. Mas Jesus experimentou muito mais que dificuldades diárias. Jesus, o Filho de Deus na forma humana, por vontade própria, levou sobre si todo o pecado e pagou a nossa penalidade de morte: “conhecemos o amor nisto, que ele deu a sua vida por nós.” (1 João 3:16) Ele passou por tortura, morrendo uma morte de sufocação lenta e humilhante na cruz, para que fôssemos perdoados.
Jesus disse aos outros antecipadamente que seria crucificado. Ele disse que três dias depois de sua morte, retornaria à vida provando que Ele é Deus. Ele não disse que algum dia iria reencarnar (Quem poderia saber se ele realmente fizesse isso?). Ele disse que, três dias depois de ser enterrado, apareceria vivo fisicamente para aqueles que viram sua crucificação. Naquele terceiro dia, o túmulo de Jesus foi encontrado vazio e muitas pessoas testificaram tê-lo visto.
Agora, Ele nos oferece vida eterna. Nós não merecemos; é um dom de Deus oferecido a nós, o qual nós recebemos quando o convidamos a entrar em nossas vidas. “O dom de Deus é a vida eterna em Jesus Cristo.”(Romanos 6:23) Se nos arrependermos do nosso pecado e nos voltarmos para Deus, nós poderemos ter o dom da vida eterna através de Jesus Cristo. É bem simples: “Deus nos deu a vida eterna, e esta vida está no seu filho. Quem tem o filho tem a vida, quem não tem o filho de Deus , não tem a vida.” (1 João 5:12) Ele quer entrar em nossas vidas.
Força interior através do plano de Deus
E quanto ao céu? A Bíblia diz que Deus “pôs no coração do homem o anseio pela eternidade.” (Eclesiastes 3:11) Talvez isso signifique que nós saibamos, em nossos corações, como um mundo melhor seria. A morte das pessoas que amamos nos convence de que há alguma coisa muito errada com esta vida e este mundo. Em algum lugar no fundo de nossas almas, nós sabemos que deve haver um lugar melhor para viver, livre de dificuldades angustiantes e dor. Tenha certeza, Deus tem sim um lugar melhor, o qual Ele mesmo nos oferece. Lá haverá um sistema completamente diferente, no qual sua vontade é feita o tempo todo. Neste mundo, Deus enxugará toda lágrima dos olhos do seu povo. Não haverá mais tristeza, choro, morte ou dor(Apocalipse 21:8). E Deus, pelo seu Espírito, permanecerá nas pessoas de tal maneira que elas nunca pecarão novamente (Apocalipse 21:27 ; Coríntios 15:28)
Os eventos do ataque terrorista nos EUA são horríveis o suficiente. Recusar um relacionamento eterno com Deus, que Jesus oferece a você, seria muito pior. Não só à luz da vida eterna, mas não há nenhum relacionamento que se compare a conhecer a Deus nesta vida. Ele é nosso propósito na vida, nossa fonte de conforto, nossa sabedoria em tempos de confusão, nossa força e esperança. “Provai e vede que o senhor é bom, abençoado é o homem que nele se refugia.” (Salmos 34:8)
Alguns dizem que Deus é somente um apoio para os fracos, mas é provável que Ele seja o único confiável.
Jesus disse: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou, não como o mundo vos dá. Não se perturbe o vosso coração, nem se atemorize.” (João 14:27)
Para aqueles que confiaram em Jesus durante suas vidas, Ele diz que é como construir sua vida em uma rocha. Qualquer que seja a crise que o ataque nesta vida , Ele pode mantê-lo forte.
Força interior através do Filho de Deus
Você pode receber Cristo agora mesmo.”Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, Deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus. (João 1:12) É através de Jesus Cristo que podemos voltar a Deus. Jesus disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao pai senão por mim.” (João 14:6) Jesus ofereceu: “Eis que estou à porta e bato, se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei e cearei com ele, e ele comigo.” (Apocalipse 3:20)
Agora mesmo você pode convidar a Deus para entrar em sua vida. Você pode fazer isso através da oração. Oração significa conversar honestamente com Deus. Neste momento, você pode falar com Deus dizendo sinceramente algo assim:
“Deus, eu me distanciei de ti em meu coração, mas eu quero mudar isso, eu quero conhecê-lo, eu quero receber Jesus Cristo e seu perdão em minha vida. Eu não quero mais ficar separado de ti; seja o Deus da minha vida deste dia em diante. Obrigado, Deus”.
Você acabou de convidar a Deus sinceramente a entrar em sua vida agora? Se sim, você tem muito por esperar ansiosamente. Deus promete fazer de sua vida atual a maior satisfação a medida que você o conhece. (João 10:10)
Onde está Deus? Ele promete fazer morada em você (João 14:23). E ele lhe dá vida eterna (1 João 5:11-13). Não importa o que aconteça no mundo ao seu redor, Deus pode estar lá por você. Embora as pessoas não sigam os caminhos de Deus, Deus é capaz de tomar circunstâncias horríveis e fazer com que seu plano aconteça de qualquer forma. Deus está completamente no controle dos eventos do mundo. Se você é de Deus, então você pode descansar na promessa de que “Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.” (Romanos 8:28)
Jesus Cristo disse: “Deixo-lhes a minha paz; a minha paz lhes dou, não a dou como o mundo a dá; nada perturbe o seu coração. Neste mundo, vocês terão aflições, contudo tenham ânimo. Eu venci o mundo.” (João 14:27 e 16:33) Ele promete nunca nos deixar ou nos abandonar. (Hebreus 13:5)
Para você crescer no conhecimento de Deus e de sua vontade para sua vida, leia os livros de Mateus, Marcos, Lucas e João na Bíblia.
Texto Original: EveryStudent

6 comentários:

Anônimo disse...

Para você crescer no pensamento crítico, leia ao menos o livro: Deus, um delírio.

Anônimo disse...

Para quem não crê que Deus existe, a vida para este ser e a existência de si mesmo deve ser um delírio, e não deve sentir nada a não ser que é um simples serzinho fadado ao nada e nem mesmo a morte já que nem existe.

Anônimo disse...

''TUDO TEM SEU TEMPO DETERMINADO E HÁ TEMPO PARA TODO PROPÓSITO DEBAIXO DO CÉU: HÁ TEMPO DE NASCER E TEMPO DE MORRER, TEMPO DE CHORAR E TEMPO DE RIR;TEMPO DE ABRAÇAR E TEMPO DE AFASTAR-SE;TEMPO DE AMAR E TEMPO DE ABORRECER;TEMPO DE GUERRA E TEMPO DE PAZ.'' ( Eclesiastes ).

Anônimo disse...

Delírio é acreditar em fadas, doendes, unicórnios, bules espaciais, monstros de espaguetes voadores, deuses.. Seres que não acreditam nessas coisas não são fadados ao nada,como disse o amigo anônimo. São fadados, ao contrário, a viver a vida sem influência de algumas crenças sem fundamento algum, senão o fundamento do "eu acho", "eu tenho um amigo que vai me levar pro céu, por isso eu gosto dele." Quanto à existência: Penso, logo existo. Frase de Descartes. A maioria dos religiosos nem sabem quem foi Descartes. Aliás, é sabido e consabido que ateus sabem mais de religião do que os religiosos. Gozado, não?!

Renata disse...

Se você soubesse alguma coisa de religião, saberia que elas são construídas com base filosóficos, e não no 'eu acho'.Ironicamente, Descartes cria em Deus e na alma humana, assim como vários outros filósofos.(Neo) Ateus não sabem mais de religião do que crentes, pois o que estes sabem de religião costuma ser baseado em preconceitos que de tão repetidos acabam virando senso comum, porém se você pesquisar a fundo esses preconceitos são totalmente infudados.Como por exemplo : Deus foi inventado por pessoa intelectualmente privilegiadas para manter o controle e o poder dos menos inteligentes...Se você estudar o assunto a fundo, chegará a conclusão de que a religião é um processo antropológico natural que se apresenta enm todas as sociedades, com evidências de que já existia no período paleozóico, se me recordo bem.Neo ateus são inigimos da razão por se satisfazerem com preconceitos apenas porque estes satisfazem a visão de mundo tendenciosa que eles querem ter, visão esta em que a religião só causa mal e desgraça ao mundo, aliás, visão na qual eles querem colocar que a religião é a única causadora dos males do mundo.
Esquecem que o conceito de caridade nasceu com o cristianismo, da ajuda no processo civilizatório, na ajuda da definição entre o que é eticamente correto e o que é eticamente errado, nos vários religiosos que vivem e trabalham para a comunidade carente, trazendo comida, abrigo e dignidade, isso sem falar nos projetos socias da própia Igreja católica com diversas pastorais, Da Criança (criada pela Zilda Arns, a conhece?)Da pessoa Idosa, da sobriedade (em que apoia as familiares de viciados em drogas.)entre outros projetos.
Enquanto vocês, neo ateus, estão divulgando que a religião é o mal no mundo, diversos anônimos religiosos que abandonaram a vida secular, estão ajudando os necessitados sem espera nenhuma de reconhecimento social.
Quem são os inimigos da razão, afinal?

Bosco Alencar disse...

tenho certeza que Deus existe como eu estou aqui agora pois na madrugada orando sinto ele no meu coração nas minhas angustias ele tem sido um alto refugio se não fosse essa minha fé eu acho que não aguentaria; sei que sou fraco e errante como todos mas creio que o Senhor vai me dar a vitória e abençoar a minha casa. e peço a todos os que oram que orem por mim pois estou angustiado. Senhor! Senhor! Senhor! clamo a ti me Senhor tem misericórdia de mim tu sabes Senhor! Senhor! Senhor! Senhor! Senhor!

Postar um comentário

Não vai falhar agora, comente!

* Cada um tem a sua própria crença, então respeite a cultura e a religião do outro.

* Independente de voce pensar se é verdadeiro ou é falso, comente, é bom que expresse sua opinião, mas sem faltar com respeito.

* Comentarios preconceituoso e xingamentos serão deletados.

 
Também Falho © 2011 . Desenvolvido por Eder Hez